Notícia

Núcleo de Questões Étnico-Raciais é lançado em evento no CRP-PR

Mais de vinte psicólogos, estudantes e representantes de movimentos sociais negros participaram no dia 02 de março do evento evento “Racismo e Negritude – Silêncios e silenciamentos na/da Psicologia”. Organizado pelo Núcleo de Questões Étnico-Raciais, um dos braços da Comissão de Direitos Humanos do Conselho Regional de Psicologia do Paraná (CRP-PR) em Curitiba, o evento marcou a criação de um espaço de discussão acerca da negritude no Conselho. A mesa, composta pelas psicólogas Daniela Francesca Malta dos Santos (CRP-08/IS-359) e Fernanda Almeida Pedroza (CRP-08/21359) e pelo estudante de Psicologia Ramom Andrade Ferreira, foi mediada por Caroline Casé, estudante de Psicologia e participante do Núcleo.

Discussões sobre os impactos da violência racista e de Estado na produção de subjetividade e as tecnologias críticas de cuidado em saúde mental da população negra tiveram destaque durante o evento. Nas falas, os palestrantes ressaltaram a importância da discussão acerca das questões raciais desde a formação profissional, perpassando por todas as áreas de atuação da Psicologia e não restritas apenas às questões de políticas públicas de promoção da igualdade racial. “É muito importante que a Psicologia Organizacional e do Trabalho atente-se para as questões raciais”, exemplificou Fernanda Pedroza.

O Núcleo de Questões Étnico-Raciais, agora formalmente constituído, convida a todas(os) as(os) interessadas(os) para participarem de sua primeira reunião, no dia 06 de março de 2018, às 19 horas na Sede do CRP-PR (Av. São José, 699, Cristo Rei, Curitiba). O encontro contará com a apresentação da pesquisadora Margoth Mandes da Cruz (UFPR), de uma historiografia da Psicologia e as questões raciais, no Brasil.

A participação no encontro é gratuita e não é necessário inscrever-se antecipadamente.

Rolar para cima