Notícia

Nova Resolução do CFP fortalece a Rede CREPOP

O Centro de Referências Técnicas em Psicologia e Políticas Públicas (CREPOP) foi criado, em 2006, para promover a qualificação profissional da Psicologia numa perspectiva ética, e pela garantia de direitos. Por levar ao campo das políticas públicas contribuições técnicas amparadas pela Psicologia e aplicáveis em diversos contextos, o CREPOP torna-se, em alguma medida, um instrumento de transformação social.

Em reconhecimento à importância do Centro e com o objetivo de assegurar a continuidade das suas produções e contribuições, a Resolução CFP n° 14/2022 institui e regulamenta o CREPOP e a sua Rede como espaço de operacionalização. O texto define suas atribuições ao mesmo tempo em que respeita a autonomia dos Conselhos Regionais, de forma que a Rede possui natureza coletiva e não deliberativa.

O documento também formaliza a composição das equipes da Rede no âmbito do Conselho Federal de Psicologia (CFP) e nos CRPs. Nas unidades regionais, é recomendado que elas sejam constituídas por pelo menos uma pessoa representante do plenário do CRP e outra da equipe técnica – com formação em Psicologia -, além de estudante na função de estágio.

No Conselho Regional de Psicologia do Paraná (CRP-PR), o Psicólogo Altieres Edemar Frei (CRP-08/20211) é o responsável pela Assessoria Técnica em Pesquisas e destaca aspectos que considera fundamentais no documento. “A Resolução diz respeito à necessidade de aprimoramento das metodologias de pesquisa. Tal perspectiva abre a possibilidade para que outras abordagens que partem de críticas ao modelo colonial e positivista de produção de conhecimento possam vir a ser estudadas, vividas e divulgadas”, afirma.

O Psicólogo celebra, ainda, a possibilidade de acompanhar o desenvolvimento acadêmico e profissional de estudantes de Psicologia, como previsto pela Resolução. Segundo ele, o diferencial da equipe técnica composta também por estagiárias(os/es) reforça a perspectiva de produção de conhecimento em diferentes níveis de inserção de profissionais da Psicologia nas políticas públicas. “A Resolução proporciona essa oportunidade para quem, ainda na graduação, pode se aproximar desses debates, das metodologias e das Referências Técnicas construídas”, complementa.

A estudante de Psicologia Valdirene Silva Machado estagia no CRP-PR sob a supervisão do profissional Altieres em demandas relacionadas à Rede CREPOP, dentre outras. Para ela, a experiência tem demonstrado como a garantia da permanência de redes como o CREPOP nos Conselhos de Psicologia é fundamental em tempos de sucateamento das políticas públicas. “Esse é um espaço com muito potencial de elaboração e que, para além de cartilhas e Referências Récnicas, pode dar voz àquelas(es) que estão inseridas(os/es) diretamente nos diversos setores, com seus saberes e práticas cotidianas”, declara a estudante.    

Para conferir o texto da Resolução CFP nº 14/2022, clique aqui.

Aproveite e conheça as Referências Técnicas já produzidas pelo CREPOP! Elas estão disponíveis no site do CFP.

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies.