Notícia

Nota de Solidariedade à população manauara e às(aos) colegas do CRP-AM-RR

Nos últimos dias, acompanhamos estarrecidas(os) a gravíssima crise de saúde pública vivenciada em Manaus, onde as contaminações e óbitos em decorrência da Covid-19 têm atingido índices alarmantes e profundamente lamentáveis.

A situação torna-se especialmente dramática diante da falta de estrutura e insumos (como oxigênio) para atendimento à população – não só vítimas do coronavírus, mas de quaisquer outros agravos. A ampla repercussão faz-se necessária para que a região não siga invisibilizada nos noticiários, frente à opinião pública e nos centros de decisão política do país.

Enquanto Psicólogas(os), cumpre-nos defender a vida, a saúde coletiva, as políticas públicas para bem-estar da população e a solidariedade como condição para as relações sociais. Por isso, manifestamos nosso pesar pela difícil situação enfrentada pela população manauara em geral, bem como nosso reconhecimento aos esforços das(os) profissionais de Psicologia, daqui e de lá, que se esforçam na promoção de melhores condições de saúde para toda sociedade.

Ademais, a situação serve de alerta, afinal, os números de contágio e mortes pela Covid-19 seguem crescentes em muitos lugares do país, inclusive no Paraná. Desse modo, precisamos reforçar não apenas o compromisso individual com as medidas de prevenção (como o distanciamento social e o uso de máscaras), mas principalmente a necessidade de uma ação coordenada de políticas públicos para que a população tenha condições de cumprir tais medidas – apoio à subsistência, informações adequadas, moradia digna e acesso a serviços, por exemplo.

Por fim, reforçamos a esperança de que a Vacinação para toda População possa ajudar a superarmos tanto sofrimento neste contexto de pandemia. Saiba mais: www.site.cfp.org.br/vacinacao-para-toda-a-populacao