Nota de pesar pelo falecimento de João W. Nery

O Conselho Regional de Psicologia do Paraná (CRP-PR) manifesta pesar pelo falecimento de João W. Nery, no dia 26 de outubro de 2018, e todo o apoio à sua companheira Sheila Salewski, seu filho e familiares.

Psicólogo que dedicou a sua vida à luta pelos direitos das pessoas LGBTIs, principalmente dos homens transexuais, João W. Nery foi autor dos livros “Viagem Solitária: Memórias de um Transexual 30 anos Depois” e “Vidas Trans: A Coragem de Existir”, que narram a sua luta e coragem em defesa da vida. Em plena ditadura civil-militar no Brasil, tirou a sua carteira de identidade masculina e, em 1977, foi o primeiro homem transexual a fazer a cirurgia de afirmação de gênero no país.

Por tudo o que viveu para ter o direito a ser quem era, lutou incansavelmente para que todas as pessoas também tivessem o direito de existir, de não morrer por serem quem são. Por ele e por tantas outras pessoas que sofrem violações de seus direitos cotidianamente, o CRP-PR tem se posicionado e trabalhado junto a diversos setores da sociedade para que os direitos de todas as pessoas LGBTIs sejam garantidos através do exercício profissional de Psicólogas e Psicólogos que respeitam os Direitos Humanos.

Em consonância com as Resoluções do Conselho Federal de Psicologia nº 01/1999 e nº 01/2018, o Código de Ética Profissional do Psicólogo e a Nota Técnica do CRP-PR nº 002/2018, as(os) profissionais da Psicologia devem garantir a autonomia das pessoas LGBTIs sobre seus corpos e vidas e buscar a redução dos processos de estigmatização e discriminação vivenciados por essa parcela da população em nossa sociedade. O CRP-PR reafirma seu compromisso com a construção de uma ciência e profissão que reconheçam e valorizem, como nos ensinou João Nery, a pluralidade e a diversidade.

Rolar para cima