A Psicologia na garantia, defesa e proteção de direitos humanos de crianças, adolescentes e jovens

09
Nov
18h
30
Curitiba
PUCPR – Auditório Brasílio (Bloco Verde)
Rua Imaculada Conceição, 1155, Prado Velho

Informações

Os direitos de crianças e adolescentes estão garantidos por lei. A Constituição Federal de 1988 estipula que a família e o Estado devem assegurar à população infanto-juvenil “o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão”. Já o Estatuto da Criança e do Adolescente, de 1990, aprofunda esta temática trazendo a Doutrina da Proteção Integral, na qual crianças e adolescentes são considerados sujeitos de direitos, sendo observada a sua condição peculiar de desenvolvimento, e têm prioridade absoluta, seja nos atendimentos, programas e principalmente nos orçamentos públicos.

É sobre estas bases que atua o Núcleo de Infância e Juventude, vinculado à Comissão de Direitos Humanos do CRP-PR. Este evento tem por objetivo promover o debate sobre direitos humanos de crianças, adolescentes e jovens, discutindo sobre a responsabilidade social da Psicologia para sua promoção, garantia e defesa. Assim, profissionais e estudantes poderão refletir sobre temas como controle social, proteção integral, enfrentamento de violências, igualdade e desafios do panorama atual para garantia de direitos. 

Inscrições até 04 de novembro

Programação completa:

09 de novembro

18h30 – Credenciamento

19h – Abertura

19h15 – Momento Cultural | Grupo de percussão Passos da Criança

19h45 – Conferência | Os desafios da garantia de direitos humanos da criança e do adolescente no cenário político atual

10 de novembro

08h30 – Credenciamento

09h – Momento Cultural

09h30 – Palestra | Nota Técnica CRP-PR nº 003/2018: atuação da(o) Psicóloga(o) em atendimento à lei n° 13.431/2017

10h20 – Mesa-redonda | Saúde mental nas infâncias e juventudes

  • Medicalização da infância 
  • Suicídio 
  • Uso abusivo de drogas 

12h – Intervalo para o almoço

13h30 – Momento Cultural | Apresentação de dança

14h – Mesa-redonda | Diversidade de Gênero e Sexualidades na infância e juventude

  • Gênero, Sexualidade e Transexualidade  
  • Erotização da infância 

15h30 – Mesa-redonda | Interfaces de violações de direitos humanos de jovens privados de liberdade e racismo

  • Extermínio da juventude negra 
  • Adolescentes e jovens em privação de liberdade 

17h – Momento Cultural

17h30 – Encerramento

Rolar para cima