Notícia

Carta aberta às(os) profissionais alerta para o sucateamento do CREPOP

O Conselho Regional de Psicologia do Paraná (CRP-PR) assinou, em 14 de agosto, uma carta intitulada “SOS CREPOP”. A carta, que também conta com a assinatura de outros 17 Regionais, alerta as(os) profissionais sobre a situação de sucateamento do Centro de Referência Técnica em Psicologia e Políticas Públicas (CREPOP), que tem o objetivo de ampliar e referenciar a atuação da(o) Psicóloga(o) na esfera pública. Segundo a carta, a atual gestão do Conselho Federal de Psicologia (CFP) – 2013 a 2016 – não está dando a devida importância ao CREPOP, sendo que desde 2013 as ações do foram reduzidas ou paralisadas. 

A paralisação do CREPOP implica em desperdício de recursos, haja vista os recursos financeiros investidos na manutenção dos Técnicos pesquisadores, em treinamentos para realização das pesquisas e em passagens para as reuniões realizadas em Brasília. Tais custos impactam no valor da anuidade para um serviço que deixou de ser oferecido à categoria e que é relevante para subsidiar a atuação dos profissionais. (Trecho da carta SOS CREPOP).

Diante deste quadro, o próprio site do CREPOP Nacional (http://crepop.pol.org.br/) está desatualizado. Do total de Referências Técnicas (RT’s) publicadas no período de 2007 a 2014, que era uma fonte de consulta para Psicólogas(os) de todo o Brasil, apenas sete estão disponíveis. Além, é claro, de um grande número de pesquisa já realizadas e que se encontram sem finalização. Por conta disso, o CRP-PR aproveita o momento de debate sobre o CREPOP e facilita o acesso à totalidade das RTs já publicadas, tornando-as disponíveis aqui.

Leia a carta completa clicando aqui.

Rolar para cima