Direitos Humanos e fortalecimento da Psicologia são destaques no 10º COREP

O 10º Congresso Regional da Psicologia do Paraná (10º COREP) reuniu no último final de semana (06 e 07 de abril) em Curitiba 112 delegadas(os) para debater as propostas apresentadas nos Pré-COREPs – etapas regionais realizadas entre outubro de 2018 e março de 2019.

Divididos em seis Grupos de Trabalho, as(os) representantes de diversos municípios do Estado analisaram 333 propostas de três eixos: “Organização democrática e representativa do Sistema Conselhos”; “O diálogo da Psicologia com a sociedade brasileira e suas relações com a democracia e direitos humanos”; e “Do exercício Profissional”.

 

Para representar o Paraná no Congresso Nacional da Psicologia (10º CNP) – que acontecerá entre 31 de maio e 02 de junho em Brasília-DF – foram escolhidas 30 propostas e eleitas(os) 25 delegadas(os) de diferentes áreas de atuação. Além disso, a plenária final do 10º COREP escolheu 223 propostas para integrar as diretrizes regionais nos próximos três anos (2019 a 2022). Entre as temáticas, os destaques foram a luta da categoria pela garantia de Direitos Humanos e o fortalecimento da Psicologia – como a articulação de discussões para tornar a psicoterapia privativa de Psicólogas(os) e Psiquiatras, discussão em aberto desde 2009. Diversas propostas mostram a solicitação de posicionamentos bem definidos e de luta pela ampliação de direitos da categoria.

A conselheira-secretária do CRP-PR, Psicóloga Sandra Cristine Machado Mosello (CRP-08/18391), destaca a sintonia entre as propostas e ações já desenvolvidas pelo XIII Plenário com as que foram trazidas durante o 10º COREP em prol da Psicologia: “O Plenário fica muito feliz em ver que as Psicólogas e os Psicólogos estão alinhados para defender uma Psicologia que lute pelos Direitos Humanos e pelo reconhecimento da profissão em nossa sociedade”. Sandra também aponta que muitas propostas solicitam a continuidade de ações em vários eixos, como a descentralização da gestão e a manutenção do envolvimento do Conselho com estudantes e IES (Instituições de Ensino Superior).

O Assessor Técnico de Políticas Públicas do CRP-PR, Psicólogo César Rosário Fernandes (CRP-08/16715) afirma que o encontro é muito importante para a Psicologia. “O COREP representa um espaço de construção coletiva e de exercício democrático fundamental neste momento que vivemos. É uma oportunidade de troca e partilha para a categoria. A Comissão Organizadora e a equipe técnica do CRP-PR dedicaram toda a energia para que o espaço fosse frutífero e potente, para que as delegadas estivessem à vontade para debater e construir as melhores decisões para a Psicologia paranaense”, avaliou.

Estudantes

Os estudantes de Psicologia também marcaram presença no 10º COREP, com direito a voz nos debates. Tatiana Aline Barbosa Santana e Gustavo Henrique Soares dos Santos foram escolhidos para representar o Paraná no 10º CNP – no COREP havia oito estudantes participando. Gustavo, que é membro da Comissão de Estudantes de Curitiba, comenta que a participação dos discentes é essencial para a pluralidade do evento.

“Vamos entrar em contato com as Comissões de Estudante de outras regiões para levar ao CNP a voz de todos”, afirmou. “Este espaço do estudante dentro do CRP é fundamental para uma boa formação, pois nos possibilita entrar em contato com a prática da profissão”, complementa.